quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Britânico cego é atacado após polícia confundir bengala com espada


Um cego foi atacado pela polícia britânica com um choque de 50 mil volts, porque os policiais confudiram a bengala branca que ele usava com uma espada samurai. As informações são do jornal britânico "Guardian".
O fato ocorreu na cidade de Chorley, no noroeste da Inglaterra, na última sexta-feira. Colin Farmer, 61, foi atingido pelos policiais com um taser (pistola de choque) porque havia uma denúncia de que um homem estava andando nas ruas com uma espada.
Farmer, que trabalha num escritório de arquitetura, estava a caminho de um encontro com amigos às 17h45 locais (13h45 de Brasília) e passou por um restaurante. "Eu nem sabia que a polícia estava lá. Eu ouvi um homem gritando, mas achei que ele estivesse gritando com outra pessoa."
Farmer, que sofreu dois derrames recentemente, disse ter ficado com medo de sofrer um terceiro.
"Achei que eu ia ser atacado por vândalos. De repente, tinham me atingido com um taser. Eu nem sabia o que era um taser. Eu só senti uma pancada nas costas e caí no chão logo em seguida."
De acordo com Farmer, ele tentou explicar aos policiais que era cego, mas foi algemado mesmo assim.
Em seguida, ele diz ter sido levado ao hospital pelos policiais, que então o liberaram. A polícia afirma que acompanhou o cego até que seus amigos chegassem.
CONSEQUÊNCIAS
A Comissão de Reclamações Independente da polícia do Reino Unido está investigando o caso, depois que Farmer registrou uma reclamação formal. A polícia local já pediu desculpas pelo ocorrido.
"Nós fizemos esse homem passar por uma experiência traumática e estamos profundamente arrependidos", disse o capitão da polícia Stuart Williams.
Farmer também afirma que entrará na Justiça contra a ação dos policiais. "Eu ando tão devagar, eles poderiam ter chegado de frente para mim e dito 'jogue sua arma no chão'", falou ele, desqualificando o ataque que sofreu.
Mais tarde, no mesmo dia, a polícia de Chorley deteve um homem de 27 anos que carregava uma espada samurai, sob suspeita de vandalismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário