quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Richa sanciona reajuste e professores têm aumento de 34,85% em dois anos


O governador Beto Richa sancionou nesta quarta-feira (29/08), no Palácio Iguaçu, em Curitiba, o projeto de lei que concede um novo reajuste salarial aos professores da rede estadual de ensino. A mensagem propondo o aumento foi aprovada por unanimidade pelos deputados estaduais. O reajuste concedido ao magistério estadual nos últimos dois anos totaliza 34,85%.

A sanção do governador permitirá o pagamento de 6,66% à categoria, retroativo a julho deste ano. Outros 6,65% a serão creditados ao salário dos professores a partir de outubro. “É um aumento importante que irá oferecer melhores condições de trabalho aos nossos professores, e assim, garantir um ensino público de excelência”, afirmou Richa.

O aumento acumulado em 2012 pelos professores estaduais, considerando o índice de 5,1% concedido a todos os servidores no ano, chega a 19,55%. No ano passado o acréscimo total no salário do magistério foi de 12,80%. A medida beneficia aproximadamente 75 mil profissionais do quadro da Secretaria de Estado da Educação.

Richa afirmou que o governo atendeu às reivindicações dos professores que pediam a antecipação dos reajustes. “Estamos corrigindo uma defasagem salarial e valorizando os professores paranaenses. Esse é um compromisso desse governo, tratar educação como prioridade absoluta”, disse o governador.

Segundo o governador Beto Richa, a medida sancionada dá continuidade ao processo de equiparação salarial dos professores aos demais servidores do Estado com ensino superior e adequação ao Piso Nacional dos Professores. “A educação é um instrumento de emancipação humana e social e que quando a educação avança todas as outras áreas avançam juntas, como a segurança, trabalho e saúde”, destacou.

EQUIPARAÇÃO - Richa destacou ainda que a meta inicial para a equiparação salarial era 26%. “Avançamos e com esforço conseguimos chegar em 34,85%. O processo de equiparação salarial dos professores da educação básica da rede estadual de ensino aos demais servidores que possuem ensino superior é um compromisso que assumimos e que está sendo cumprido”, ressaltou o governador.

O deputado estadual Valdir Rossoni, presidente da Assembleia Legislativa, disse que a Casa compreendeu a importância da medida e se esforçou para que a tramitação se desse no menor tempo possível. “Uma importante ação que demonstra o compromisso do Executivo com a educação pública de qualidade. É um aumento sensível que agradará os professores”, disse, que participou da assinatura juntamente com os deputados estaduais Ademar Traiano, líder do governo no legislativo estadual, Plauto Miró e Stephanes Junior.

RECOMPOSIÇÃO – Além de valorizar os profissionais da educação, Richa destacou o compromisso do governo estadual em recompor o quadro funcional da estrutura educacional no Paraná. Para isso, ele autorizou recentemente a criação de 13.771 vagas para professores e pedagogos da rede estadual de ensino. Os cargos são para 20 horas semanais com nível superior e são para todas as disciplinas da matriz curricular e serão distribuídas nos 32 Núcleos Regionais de Educação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário