segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Ouvidor Nacional do SUS destaca importância da opinião do usuário


O Ouvidor Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS), Luiz Carlos Bolzan, falou nesta segunda-feira (26), durante jornada da capacitação de servidores da Secretaria de Saúde de Maringá, sobre a importância das ouvidorias no contato com os usuários do sistema público de saúde. Participaram da abertura do evento o prefeito em exercício, Roberto Pupin e o secretário de Saúde, Antônio Carlos Nardi. “O ministro Alexandre Padilha quer a Ouvidoria do SUS a melhor do mundo pela relevância do sistema”.
Bolzan falou para pessoal administrativo, diretores de Unidades Básicas e gerentes da Secretaria Municipal durante a capacitação sobre Acolhimento Humanizado e Implantação do Nível I do Sistema OuvidorSUS Nacional, na Reunião de Sensibilização da Implantação do Nível I do Sistema OuvidorSUS. Também participou da jornada a consultora do Ministério da Saúde da Política Nacional de Humanização para a região Sul, Patricia Campos Silva.
Segundo o Ouvidor Nacional do SUS, as jornadas de capacitação do pessoal da saúde é essencial para atualizar e melhorar o atendimento. “Trabalhamos no sentido de fortalecer o sistema de ouvidoria porque é um canal de extrema importância entre o usuário e a rede”, disse. Bolzan explica que o contato além de esclarecer as dúvidas dos usuários, cria um canal de informação permanente onde a comunidade pode receber esclarecimentos sobre a saúde.
“Os canais de comunicação da Ouvidoria se tornaram um instrumento de educação em saúde, com o usuário esclarecendo as dúvidas e recebendo orientações importantes sobre promoção e prevenção”, disse Bolzan. Neste ano, segundo ele, a Ouvidoria já atendeu 4,6 milhões de contatos, repassando mais de 10 milhões de informações de todas as áreas.
Por isso, de acordo com Bolzan, o ministro Alexandre Padilha quer ampliar e melhorar sempre a Ouvidoria. “Já estamos investindo na contratação e capacitação do pessoal, o próximo passo será melhorar também a tecnologia do serviço e também a capacidade e velocidade do atendimento”, revelou.
Humanização
O secretário Antônio Carlos Nardi abriu a jornada de capacitação citando a preocupação no acolhimento e humanização na rede. “Nosso trabalho está sempre focado na construção de projetos e ações com resultado na melhoria do atendimento aos usuários, e cada um tem que estar integrado a esse propósito”, lembrou. O secretário destacou o trabalho em equipe para se alcançar os resultados, por isso a necessidade da troca de experiência e ideia.
Nardi destacou também os temas a serem tratados na jornada desta segunda-feira, eixo principal da 14ª Conferência Nacional de Saúde que será realizada de 30 de novembro a 4 de dezembro, em Brasília. "Acesso e acolhimento com qualidade: um desafio para o SUS será o eixo da conferência e o tema que devemos centrar nossos debates”, lembrou, citando casos exitosos de Maringá.
O prefeito em exercício Roberto Pupin, desejou uma jornada produtiva, e destacou o compromisso da administração na formação e capacitação do pessoal. “Junto com o prefeito Silvio Barros apostamos na valorização do servidor e estamos acertando porque Maringá é modelo em Saúde e Educação e vem avançando em todas as áreas”, afirmou.
Pupin falou da importância do profissional capacitado no atendimento à comunidade. “Oferecemos as condições para formarmos uma equipe capacitada, um serviço público de qualidade, onde o resultado junto ao cidadão é o que importa”, destacou.
O prefeito em exercício também recebeu o Ouvidor Nacional do SUS, Luiz Carlos Bolzan, em seu Gabinete, em visita de cortesia. Pupin apresentou alguns avanços da administração de Maringá e recebeu elogios do Ouvidor, em especial na área de Saúde. “O Nardi presidir pela segunda gestão o Conasems (Conselho Nacional dos Secretários Municipais de Saúde), é o reconhecimento não apenas pessoal do secretário, mas da política do município na área de saúde”, disse.
OuvidorSUS
A Ouvidoria Municipal da Saúde implantou no segundo semestre deste ano o Nível I do Sistema OuvidorSUS, ferramenta que possibilitará à Secretaria gerenciar as demandas dos cidadãos com um sistema gestor próprio, propiciando a emissão de relatórios com mais especificidade, e evidenciando uma das características do município, que é incentivar o controle social com eficiência e propriedade.
A Reunião de Sensibilização da Implantação do Nível I do Sistema OuvidorSUS em Maringá, permite a atualização e capacitação dos funcionários administrativos que realizam o acolhimento nas UBS (futuros operadores do sistema tornando possível um acolhimento diferenciado para a rede SUS), junto com diretores e gerentes.
A jornada de capacitação cumpre as metas do ParticipaSUS, política do Ministério da Saúde, através da Secretaria de Gestão Participativa e do Departamento de Ouvidoria Geral do SUS. O encontro fomenta ainda a Política Nacional de Humanização, que vem buscando cada vez mais trazer um atendimento diferenciado e humanizado aos serviços.
Assessoria de ComunicaçãoPMM

Nenhum comentário:

Postar um comentário