sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Paróquia São Silvestre zona sul de maringa promove final de semana da Missão Solidária

Comunidade terá atendimento de advogados, fonoaudiólogos, psicólogos, nutricionistas, clínico geral, cabeleireiros e outros serviços
 No próximo final de semana, dias 11 e 12, a paróquia São Silvestre, zona sul de Maringá, vai promover pelo segundo ano consecutivo o projeto Missão Solidária. Cerca de 70 voluntários devem prestar atendimento à população das redondezas da paróquia. 
 As atividades começam no sábado à noite. Santa missa às 18h30 e logo na sequência concerto de música sacra com o coro de câmara da UEM.
 Domingo, santa missa às 8h. Durante o dia todo haverá atendimento de advogados, fonoaudiólogos, psicólogos, nutricionistas, clínico geral, cabeleireiros, agentes da Caixa Econômica para informações sobre projetos da casa própria, medição de pressão, glicemia, e prevenção bucal. Além de tudo isso serão montadas tendas como a do Bazar da Solidariedade, onde serão doados calçados, roupas e cestas de natal para as famílias que participarem das palestras de saúde preventiva.
 Além das palestras sociais haverá um módulo em que os participantes poderão ouvir pregações relacionadas à juventude, família e crianças.
 Para as crianças estão programadas várias atividades recreativas, esportivas, brinquedos, cama elástica, além de evangelização especial para elas.  A meta é beneficiar ao menos 300 famílias oferecendo a elas atividades culturais, sociais e religiosas. 
 Segundo o pároco da paróquia São Silvestre, padre Rildo da Luz Ferreira, “o objetivo é experimentar ou vivenciar Atos dos Apóstolos, Capítulo 2, onde a comunidade era perseverante em ouvir os apóstolos, na partilha fraterna e nas orações. A Palavra também diz que eles colocavam tudo em comum, de modo a não ver necessidade entre os irmãos”.
 Shows com bandas católicas, apresentações teatrais e sorteios de prêmios também fazem parte da programação do projeto Missão Solidária.
 Depois desse trabalho no final de semana, a paróquia deverá continuar o acompanhamento das famílias carentes da região. A paróquia fez um levantamento prévio, onde as famílias foram cadastradas em 10 bairros que compõem a comunidade. A partir de agora essas famílias vão receber atendimento especial e contínuo.
 Quem quiser fazer doações para o projeto ou ser voluntário pode entrar em contato pelo telefone: 3229 0296.

Nenhum comentário:

Postar um comentário