quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Camargo Correa foi a maior doadora nas eleições do Paraná

A campeão de doações a candidatos na eleição 2010 também foi a principal contribuinte da eleição de Beto Richa (PSDB) para o governo do Paraná. A construtora Camargo Correa doou R$ 1,5 milhão ao governador eleito no primeiro turno. A empreiteira, que foi alvo de uma operação da Polícia Federal que investigou crimes financeiros envolvendo doações para partidos políticos, também foi a principal doadora da senadora eleita Gleisi Hoffmann (PT), que recebeu R$ 500 mil da empresa.
A empresa administra a limpeza pública de Curitiba, cidade que era administrada por Beto Richa até março deste ano e foi a responsável pela Linha Verde, obra viária que é considerada a principal realização do tucano na administração da capital paranaense. A Camargo Correa também está concorrendo na licitação para a gestão do lixo de Curitiba e Região Metropolitana.
A eleição do tucano para o governo do Estado custou R$ 23,7 milhões ao comitê financeiro do PSDB, valor semelhante ao da campanha presidencial de Marina Silva (PV), que gastou R$ 24,1 milhões. Até às 15h30 desta quarta-feira (3), ainda não estava disponível no sistema do Tribunal Superior Eleitoral a prestação de contas do senador Osmar Dias (PDT), segundo colocado na eleição estadual.

Nenhum comentário:

Postar um comentário