terça-feira, 13 de julho de 2010

Amusep discute inclusão digital, FPM e saúde


Os prefeitos da Amusep (Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense) se reuniram na manhã desta terça-feira (13) na sede da entidade em Maringá. “Tínhamos assuntos pendentes e por isso marcamos uma reunião de trabalho”, explicou o presidente da entidade e prefeito de Mandaguari, Cileninho.
Dos 30 prefeitos da região, 21 estavam presentes e dois enviaram representantes. “Isso mostra que a entidade está unida e que os prefeitos e prefeitas estão realmente interessados nos assuntos de interesse da nossa região”, frisou o presidente. Na oportunidade foram entregues os projetos do programa Cida Digital, que serão analisados pelos prefeitos e assessores. A próxima etapa será a viabilização de recursos para a concretização do programa.

O prefeito de Maringá e presidente do Cisamusep (Consórcio Intermunicipal de Saúde da Amusep), Silvio Barros II, fez uma explanação sobre recursos da entidade que poderão ser utilizados pelos municípios para cirurgias, exames e consultas especializadas. “Vamos verificar a demanda de cada município para a liberação destes procedimentos”, explicou Barros.

Com relação ao FPM (Fundo de Participação dos Municípios), muitos prefeitos têm reclamado da que no repasse por parte do Governo Federal. Sobre o assunto, Cileninho lembrou que o mês de julho sempre apresenta queda nos repasses em função da restituição do Imposto de Renda e que os prefeitos devem se prevenir para as baixas. Segundo ele, o repasse deste ano acompanha os valores de 2009 e estão pouco abaixo dos de 2008, quando os valores tiveram a maior alta dos últimos anos.

A próxima reunião da Amusep será a itinerante e aberta e está marcada para o dia 30 próximo na cidade de Atalaia, que estará comemorando 50 anos de emancipação política.

Nenhum comentário:

Postar um comentário